Carregando...
 

Dez passos para a alimentação adequada e saudável 

Image

Autora do relato: Luana de Oliveira Souza

Local da experiência: Várzea Paulista – SP

Local de implementação: Unidades de saúde

Qual aspecto do Guia Alimentar para a População Brasileira foi abordado? 

  • Princípios do guia; 
  • Ampliação da autonomia nas escolhas alimentares;
  • Combinação de alimentos na forma de refeições;
  • Alimentos regionais;
  • Os dez passos para uma alimentação adequada e saudável.  

Qual o objetivo da experiência?

Discutir os conceitos da alimentação saudável e oferecer ideias práticas para melhorar a alimentação no cotidiano dos sujeitos, levando em conta o contexto da comunidade. 

Qual o público alvo?

Adultos e crianças com obesidade e público geral interessado em ter uma alimentação saudável. 

O que motivou a experiência? 

A obesidade e as outras doenças crônicas não transmissíveis estão cada vez mais prevalentes no Brasil e no mundo e são influenciadas pelos hábitos de vida, como alimentação e sedentarismo. Em Várzea Paulista, município do interior de São Paulo, há grande demanda por ações de profissionais de saúde relacionados com a prevenção e tratamento dessas doenças, a citar a nutrição. Orientações nutricionais para uma alimentação saudável têm sido foco dessas ações, e o Guia Alimentar vem como material de apoio para execução de ações de saúde. 

Como a experiência foi desenvolvida?

Nas 13 unidades básicas de saúde do município, estão sendo realizadas rodas de conversa sobre os dez passos para alimentação adequada e saudável, envolvendo a nutricionista da rede de saúde e os indivíduos da comunidade convidados pelas equipes de saúde, bem como outros profissionais interessados em participar. Nos convites, são enfatizados os usuários que tenham encaminhamento para nutricionista por terem diagnóstico de obesidade, bem como suas famílias, mas qualquer indivíduo pode participar. Utiliza-se material de apoio visual com imagens sobre os Dez passos para alimentação adequada e saudável e com os pratos saudáveis disponíveis no guia, como figuras de café-da-manhã, almoço, jantar e lanches. 

Quais foram os resultados alcançados? 

Recebemos elogios e críticas positivas com relação ao material utilizado e com relação às orientações voltadas para a realidade da comunidade. Nosso objetivo não foi realizar avaliação antropométrica, portanto não temos dados que mostrem como a alimentação saudável influenciou na melhora da obesidade. Os elogios vindos dos usuários mostram como o incentivo à alimentação saudável pode ser utilizado como forma de prevenção e promoção da saúde, bem como tratamento das doenças crônicas. Ainda é desafiador trabalhar com incentivo à alimentação saudável, pois os hábitos alimentares são influenciados por diversos fatores, desde a infância, e modificá-los envolve toda uma mudança de crenças, rotinas e hábitos familiares. Enfrentamos dificuldades principalmente com relação ao número de profissionais de saúde com habilidades para trabalhar com educação nutricional. 

 


Contribuíram para esta página: redenutri@unb.br .
Última modificação da página em Segunda-feira 25 de Janeiro, 2016 10:22:38 BRST por redenutri@unb.br. (Versão 1)

Enquete

A Portaria 1.055 publicada em 25/04/2017 para o Programa Saúde na Escola prioriza ações de prevenção à obesidade infantil. Qual das ações propostas você considera mais desafiadora?





Anti-Bot verification code image Outro código

File is not an image.

Redes Sociais