Carregando...
 

Primeira Rede de Ambientes Saudáveis é constituída nas Américas

         

23 de janeiro de 2018 - Na cidade de Santiago/Chile, foi conformada a primeira Rede de Entornos Saudáveis nas Américas com o objetivo de trabalhar conjuntamente para reduzir o sobrepeso e a obesidade na Região, centrando-se em medidas regulatórias e na promoção e participação cidadã.  

O encontro, liderado pelo Chile, tem a participação da Argentina, do Brasil, do Canadá, da Colômbia, do Equador, do México e de Israel, o último, como convidado.               

A obesidade e as doenças associadas à má-nutrição tornaram-se um dos principais fatores de risco nas Américas. As principais causas desta epidemia são os maus hábitos alimentares e o estilo de vida sedentário, situação existente em toda a Região das Américas e que impacta nos custos e anos livres de doenças.

Diante desse cenário, Zohra Abaakouk, consultora em Doenças Não Transmissíveis e Saúde Mental da OPAS/OMS, disse que "é urgente gerar ambientes que facilitem o desenvolvimento saudável da população, por meio de políticas públicas econômicas voltadas para a adoção de medidas estruturais, destacando-se a rotulagem frontal de advertências para alimentos e bebidas, as restrições à publicidade de alimentos dirigidas a crianças e adolescentes, impostos e a criação de ambientes que facilitem a prática da atividade física".  

A Ministra da Saúde, Carmen Castillo, expressou a importância da constituição desta instância de cooperação técnica entre os países das Américas. "Esta iniciativa é um sinal dos tempos em que vivemos, que nos leva a entregar novas respostas tendendo a tornar mais fácil para a população adotar hábitos saudáveis em relação aos alimentos".

“É uma oportunidade de colocar em prova – mais uma vez – a criatividade e o apoio que podemos nos dar para vencer esta desigualdade, que afeta gravemente a qualidade de vida das pessoas”, acrescentou a Secretaria de Estado.  

Fonte: OMS(external link)


Para saber mais sobre essa matéria e acessar as demais notícias relacionadas à agenda de alimentação e nutrição no SUS:

- Baixe a Segundeira da CGAN desta semana no link: http://ecos-redenutri.bvs.br/tiki-download_file.php?fileId=1766(external link) ; ou

- Acesse o Blog da CGAN da RedeNutri (http://ecos-redenutri.bvs.br/tiki-view_articles.php(external link)).

Nesta edição:

  • Primeira Rede de Ambientes Saudáveis é constituída nas Américas·          
  • ‘Comer é ato político’, diz Bela Gil pela democratização da alimentação saudável para construir hábitos saudáveis·        
  • Caisan propõe mudanças nos rótulos dos alimentos         
  • Espaço dos estados
  • De olho na evidência: Prevalência de câncer e doenças cardiovasculares aumenta com a obesidade 
  • Implementando o Guia: Dicas para criar e cultivar uma horta orgânica comunitária
  • Monitoramento Semanal de Programas Estratégicos da CGAN
  • Saiu na mídia  

A Segundeira da CGAN é o informativo semanal da Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde, na qual são apresentadas as principais notícias da semana, agendas previstas da Coordenação, além de trazer atualizações sobre evidências científicas, textos de apoio para a implementação das recomendações do Guia Alimentar para a População Brasileira e atividades realizadas nos municípios e estados relacionados à agenda de alimentação e nutrição no SUS e monitoramento de alguns programas.

 

Coordenação-Geral de Alimentação e Nutrição
Departamento de Atenção Básica
Secretaria de Atenção à Saúde
Ministério da Saúde
 

 

Portal do Departamento de Atenção Básica: http://dab.saude.gov.br/portaldab/(external link)

Comunidade de Práticas:https://www.facebook.com/comunidadedepraticas(external link)

RedeNutri: http://ecos-redenutri.bvs.br/tiki-view_articles.php(external link)

Imprimir

Enquete

A Portaria 1.055 publicada em 25/04/2017 para o Programa Saúde na Escola prioriza ações de prevenção à obesidade infantil. Qual das ações propostas você considera mais desafiadora?





Anti-Bot verification code image Outro código

File is not an image.

Redes Sociais